Tratamentos para rejuvenescimento e harmonização facial

O rejuvenescimento é um sonho de muitas pessoas. Com o tempo a pele vai perdendo a elasticidade por diversos motivos, tais como, fatores genéticos, hábitos de vida inadequados, excesso de poluição ou exposição ao sol, assim como alterações hormonais. A tecnologia vem trazendo inúmeras soluções pra quem busca a pele mais jovem e/ou harmonização facial. Dentre os tratamentos disponíveis, os mais procurados são: laser, luz intensa pulsada, microagulhamento, preenchimento a base de ácido hialurônico, toxina botulínica, estimuladores de colágeno, radiofrequência, ultrassom microfocado, peelings químicos e também, dermoabrasão. Conheça algumas das principais tendências de procedimentos estéticos para tratamentos de imperfeições e envelhecimento da pele.

Peeling Químico

O peeling químico é uma aplicação de soluções na pele, para melhorar a textura, removendo camadas exteriores danificadas. Os produtos químicos usados são fenol, ácido tricloroacético e ácidos alfahidróxidos, dentre outros. Cada um tem uma finalidade diferente. A fórmula utilizada pelo seu médico será ajustada para atender às suas necessidades específicas. Embora peelings químicos sejam utilizados principalmente na face, também podem ser usados para melhorar a pele do pescoço e das mãos. É preciso compreender que todos os peelings químicos apresentam alguns riscos e incertezas. Geralmente é um procedimento muito seguro quando realizado por um cirurgião plástico qualificado e experiente. (Fonte: SBCP)

O peeling químico não trata rugas profundas, excesso de pele ou flacidez, mas faz uma revitalização da camada superficial da pele e estimula a produção de colágeno. Pode remover pequenos vasos visíveis, alterar o tamanho dos poros e atenuar cicatrizes superficiais. Mas existem contra-indicações para o procedimento, tais como, pele com muitas cicatrizes, pigmentação anormal, origem negra ou asiática, verrugas, cabelos ruivos e pele clara com sardas e quem fez tratamentos para acne com medicamentos nos últimos seis meses.

Microagulhamento

O microagulhamento – ou Indução Percutânea de Colágeno com Agulhas (IPCA®) – é tratamento feito através de agulhas bem pequenas que perfuram as camadas da pele para estimular o colágeno. A técnica serve para aumentar o colágeno da epiderme, visando o rejuvenescimento da pele, mas também ativa a circulação local e potencializa a absorção das drogas usadas no local, seja para nutrir a pele, ou para crescimento capilar e fortalecimento do bulbo. O procedimento pode ser feito por rollers (mais comum), derma-pen e MMP. A técnica mais popular é minimamente invasiva, sendo realizada apenas com creme anestésico. O aumento pela procura por este procedimento é devido a ser relativamente simples, com bom custo X benefício, seguro e com resultados satisfatórios.

Harmonização facial: Preenchimento Ácido Hialurônico + Toxina Botulínica 

Preenchimento Ácido Hialurônico 

Os preenchedores de Ácido Hialurônico são géis injetáveis usados para preencher rugas ou sulcos, ou aumentar o volume dos lábios e/ou face. O ácido hialurônico tem uma função na pele de fazer sustentação, preenchimento, hidratação. Por isso, disfarça rugas, bigode chinês e outras depressões. Ele raramente apresenta alguma reação, porque é biocompatível. Existe um “antídoto”, a hialuronidase, o que aumenta a segurança em caso de reação ou efeito indesejado. Existe um tipo de apresentação específica para cada indicação. O risco de alergias é mínimo e o tratamento pode ser feito em conjunto a outros procedimentos, como a toxina botulínica e peeling.

Toxina botulínica 

A toxina botulínica do tipo A e do tipo B são substâncias purificadas, derivadas de uma bactéria. A injeção dessa substância bloqueia os sinais nervosos musculares, enfraquecendo o músculo de modo que não se contraia, diminuindo as rugas indesejadas. O tempo de duração depende exatamente do tempo necessário ao organismo para produzir anticorpos e neutralizar o efeito da toxina botulínica. A toxina botulínica pode ser combinada com demais procedimentos cosméticos da pele tais como peelings químicos, preenchimentos dérmicos ou microdermoabrasão para melhorar ainda mais os resultados. Esta combinação de terapias pode ainda ajudar a prevenir a formação de novas linhas e rugas. (Fonte: SBCP)

Skinbooter

Skinbooster ® é um procedimento estético injetável simples que, por meio do ácido hialurônico, hidrata profundamente a pele e traz resultados muito superiores aos de dermocosméticos, já que atua nas camadas mais profundas da pele. Geralmente, cada sessão de tratamento dura entre quinze a vinte minutos. Para o tratamento inicial, recomendam-se três sessões, que devem ser realizados a cada quatro semanas. Como manutenção, o ideal é uma aplicação a cada quatro ou seis meses.

Preenchimento facial X Skinbooster

A diferença entre preenchimento facial e skinbooster é a concentração do ácido: no preenchimento facial como o objetivo é tratar a pele de forma mais pontual, restaurando o volume de áreas específicas, utiliza-se uma maior concentração do ácido e de volume. Já no Skinbooster, cujo tratamento da pele é mais amplo e global, é menor a concentração e volume da substância.

Fios de sustentação: Silhouette Soft®

Silhouette Soft é o primeiro tratamento que proporciona um lifting natural (levantamento) sem cortes, com efeitos imediatos, além de uma restauração bastante progressiva do colágeno do próprio corpo. É um tratamento não-cirúrgico, minimamente invasivo, que levanta a pele, rejuvenescendo a aparência e tirando o ar de cansaço causado pela flacidez, repondo o volume facial perdido, que diminui com a idade. O procedimento é feito com a inserção de um fio entre a pele e a camada de gordura subcutânea, reposicionando e redefinindo contornos de pescoço e rosto – especialmente da mandíbula. A sutura age como uma malha abaixo da superfície da pele para levantar tecidos moles flácidos. Também levanta a sobrancelha e as bochechas, melhorando o aspecto de rugas e flacidez. O efeito tração tem durabilidade de 2 anos, mas a melhora da pele permanece mais longamente.

Laser CO2

Este tipo de tratamento envolve a aplicação de uma luz de laser focado na pele. O calor gerado pela luz remove as camadas superiores e médias da pele. Após a cicatrização, ocorre uma melhoria visível na coloração da pele e suavização de rugas. Sendo assim, o laser de CO2 fracionado é indicado para rejuvenescimento cutâneo, trata lesões pigmentadas e melhora as queratoses actínicas. O fracionamento do laser permitiu o tratamento de áreas extra-facias como a cervical, região anterior do tórax, braços e pernas, com menor reação local e recuperação mais rápida. Os aparelhos modernos permitem atuação em pós-operatório, conforme o recomendado para cada caso. O laser de CO2 não é indicado, porém, para remoção de tatuagem e maquiagem definitiva.

Dermoabrasão

A dermoabrasão é um procedimento cirúrgico no qual o médico cirurgião literalmente lixa a pele com um instrumento abrasivo rotatório ou lixas d’água, aplainando a superfície e imperfeições da pele. As principais Indicações são para remoção de tatuagens, rugas, cicatrizes de acne e traumáticas. É mais frequentemente utilizada para melhorar a aparência da pele da face com cicatrizes de acidentes ou de cirurgias prévias, bem como para suavizar rugas faciais superficiais, tais como aquelas ao redor da boca. O procedimento também pode ser usado para remover ceratoses e cicatrizes profundas de acne. A dermoabrasão pode ser realizada em pequenas áreas da pele ou sobre toda a face, podendo ser feita isoladamente ou, juntamente, com demais procedimentos tais como facelift ou peeling químico. (Fonte SBCP)

O tratamento ideal para você!

São muitas as alternativas, mas o mais importante é escolher junto ao seu médico o procedimento mais adequado para o que deseja. O excesso ou tratamentos sem orientações profissionais podem não só comprometer o resultado e a satisfação final, como a sua saúde. Faça uma avaliação com a Dra. Xênia Portella, agende uma consulta através do telefones: (31) 2510-6611 ou pelo Whatsapp: (31) 9 9923-6611.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Xenia Portella - Doctoralia.com.br