Mamoplastia: tudo o que você precisa saber!

Mamoplastia: Tudo o que você precisa saber

Mamoplastia: cirurgia para corrigir ou melhorar o contorno e as proporções da região da mama.

A mamoplastia é uma cirurgia plástica que pode ser estética ou reparadora, isto é, pode ser feita para aumentar, reduzir, levantar, ou reconstruir os seios. Esses conceitos na maioria das vezes se misturam. Existem basicamente três tipos de mamoplastia: a de aumento, a de redução e a mastopexia (elevação da mama), além da reconstrução de mamas, em caso de agenesia, destruição por traumatismos ou câncer. Em quaisquer dos casos, podem ser usadas próteses mamárias, sempre com o objetivo de aumentar, dar forma ou dar consistência às mamas. As próteses de mama são de silicone liso, texturizado, ou de poliuretano no seu envoltório, e silicone gel no interior. Têm formas e projeções diversas, assim como tamanhos variados e algumas outras diferenças de acordo com o fabricante.

Tipos de Mamoplastia

Mamoplastia de aumento
Se você está insatisfeito com o tamanho da sua mama, a cirurgia de aumento de mama utiliza prótese de silicone para dar volume aos seios, ou restaurar o volume mamário perdido após perda de peso ou gravidez.

O aumento de mama pode:

• Aumentar o tamanho e projeção de seus seios,
• Melhorar o equilíbrio de seu corpo,
• Melhorar a sua autoestima e autoconfiança.

Mamoplastia redutora
A redução de mama remove o excesso de gordura, de tecido glandular e de pele, para atingir um tamanho de mama proporcional ao seu corpo e aliviar o desconforto associado a seios muito grandes.

Ginecomastia
A redução de mama para os homens é a correção cirúrgica com retirada das glândulas mamárias, demasiadamente desenvolvidas ou grandes, e/ou do excesso de gordura na região

Reconstrução mamária
A reconstrução da mama é conseguida através de várias técnicas de cirurgia plástica que tentam restaurar a mama considerando-se a forma, a aparência e o tamanho após a mastectomia. Para tal, são usados expansores e próteses, retalhos locais ou à distância.

Mastopexia
Mastopexia, ou cirurgia de lifting de mama, é um procedimento cirúrgico que visa levantar e remodelar as mamas. A mastopexia reposiciona a aréola e o tecido mamário, removendo o excesso de pele e remodelando o tecido remanescente para compor o novo contorno da mama.

Prótese de silicone

Via de acesso
A prótese de silicone pode ser colocada por meio de uma incisão por baixo da mama, axila ou na aréola. Pode ser incoluída, também, pelas incisões da mamoplastia. Mais raramente pode ser introduzida pelo abdome.

Local de colocação do implante
Pode ser colocada por cima ou por baixo do músculo peitoral, de acordo com a composição física da mulher. Se uma pessoa possui tecido glandular suficiente para recobrir a prótese, é indicada a colocação da prótese por cima do músculo peitoral, o que causa menos lesões a curto, longo e médio prazo, deixando um aspecto mais natural. Se tiver muito tecido mamário e a prótese não for subglandular, há risco de duplo contorno, ou seja, a mama cai e a prótese não, dando um contorno inadequado esteticamente. Para aquelas muito magra ou com pouca mama, a prótese é colocada por baixo do músculo. Se não o fizer, existe risco de prótese, visível ou palpável.
A prótese pode também ser colocada no plano subfascial, abaixo da fáscia do músculo, mas acima deste.

Formatos de Prótese de silicone

Prótese Cônica
Estas próteses de silicone são mais recomendadas para aquelas com seis levemente caídos.

Prótese Redonda
Essa é a prótese de silicone mais popular entre as mulheres, pois preenche igualmente todos os espaços dos seios e deixa o colo bem marcado e aspecto de seios empinados.

Prótese anatômica ou em gota
Essa é a prótese de silicone que deixa o formato mais natural nos seios, portanto não é indicado para aquelas que queiram aumentar o volume, sendo mais utilizada em cirurgias de reconstrução de mama em mulheres que curaram de um câncer, ou para aquelas que não possuem quase nenhuma mama.

Confira como é feito o procedimento no vídeo abaixo:

É preciso ficar atento a alguns fatores na escolha do implante e aos tipos de prótese de silicone disponíveis para obter o resultado esperado. Um tamanho inadequado pode resultar na formação de estrias no local. Além do que, uma prótese de silicone muito grande pode atrapalhar algumas tarefas cotidianas, como no caso de exercícios físicos e atividades mais vigorosas.

Na hora da avaliação para escolher o volume adequado da prótese de silicone, o médico cirurgião leva em consideração a estrutura corporal, biótipo, altura, distância entre tronco e quadril, proporção do tórax, estrutura óssea e formação original da mama.

Membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e Membro da Comissão Científica da SBCP/MG, a Dra. Xênia Portella pode avaliar a melhor opção para o seu caso. Agende através do telefone: (31) 2510-6611 ou pelo Whatsapp: (31) 9 9923-6611 para uma consulta presencial.

Leia mais:

Mamoplastia pós-cirurgia bariátrica
Estrias no pós-operatório de próteses mamárias
Mamoplastia de aumento: Prótese de silicone
Próteses mamárias: qual o tamanho ideal?
Prótese de silicone: qual é a melhor para você?

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Xenia Portella - Doctoralia.com.br